Uma relação entre os significados da data e o cooperativismo.

 

A Páscoa está quase chegando. É o momento de juntar a família, de comemorar e também de refletir. Você já parou para pensar, por exemplo, que existe uma profunda relação entre a Páscoa e o Cooperativismo?

Essa conexão entre a data e o modelo cooperativista pode não ser tão óbvia. Mas se refletirmos um pouco sobre os significados da Páscoa, fica fácil perceber que essa comemoração tem muito em comum com alguns dos princípios cooperativosVeja só:

O significado da Páscoa e o Cooperativismo

A palavra Páscoa tem origem nos termos grego, pasha, e no hebraico, pesach ou pesah, significando passagem. Não é à toa que os cristãos comemoram na Páscoa a ressurreição de Jesus, como a passagem para uma nova vida.

É claro que o cooperativismo não tem esse cunho religioso. Mas se pensarmos bem, quem se associa ao modelo cooperativista também tem a oportunidade de viver uma nova fase. Assim como na Páscoa, essa passagem para uma nova vida (no cooperativismo, a adesão) pode ser feita de forma livre e espontânea. E todos são convidados a participar (no cooperativismo, a gestão é democrática).

Agora, você sabia que os judeus também comemoram a Páscoa? Só que nesse caso, a palavra usada é Pessach ou Festa da Libertação.

Para os judeus, Páscoa tem a ver com libertação, mas também com a aliança de seu próprio povo. Para católicos, anglicanos e luteranos, o fim da quaresma também representa uma libertação. E para muita gente, o feriado de Páscoa sempre serve mesmo para se liberar um pouco, nem que seja das regras de alimentação (aceita um chocolate?).

E falando de cooperativismo, também encontramos alguma semelhança. Afinal, quem adere a uma cooperativa libera-se de outros modelos econômicos (pelo menos em certos aspectos) e passa a fazer parte de um regime mais justo e humano.

Assim, percebe-se que, de uma forma ou de outra, Páscoa tem a ver com vida nova, para todos (para a natureza, para a alma e para toda a família). É quando todos se juntam para celebrar a vida e apoiar uns aos outros.

Aliás, as cooperativas também ajudam a melhorar a vida das comunidades onde estão inseridas. Exemplo disso foram algumas ações realizadas, na Páscoa do ano passado, por algumas das cooperativas do maior sistema cooperativo financeiro do Brasil, o Sicoob, como a Páscoa mais Doce, do Sicoob Oestecredi que arrecadou ovos de chocolate para distribuir a instituições sociais, ou a Páscoa Solidária do Sicoob Central SC/RS, que doou mais de 22 quilos de chocolate para a Casa de Acolhimento Darcy Vitória de Brito.

Dicas para uma Páscoa mais cooperativa

E você também pode cooperar com outras pessoas e ajudar a sua comunidade nesta Páscoa. Confira algumas dicas: 

  • Arrecadação de doces: Convide seus amigos ou sua família para arrecadar guloseimas – como bombons, balas e pirulitos – para serem distribuídas às crianças em sua comunidade.
  • Amigo secreto beneficente: A ideia é ajudar instituições beneficentes. Assim, é estipulado um valor e cada um sorteia o nome de uma instituição para ajudar de alguma forma, como doação ou visita.
  • Visita do coelho da páscoa: Uma visita vestido de colho da páscoa a creches, orfanatos, asilos e hospitais distribuindo doces ou bombons é uma forma nobre de celebrar essa data e compartilhar muitos sorrisos.
  • Gincana de arredações: As empresas também podem envolver seus funcionários em uma gincana de arrecadação para tornar a Páscoa de outras pessoas mais doce e mais cheia de vida.

Experimente, coloque a mão na massa (ou nos chocolates) e celebre a vida com quem está ao seu redor.

Fonte: O Seu Dinheiro Vale Mais

 

 

Blog Sicoob Credpit

Postado por Blog Sicoob Credpit

Este blog é um canal de comunicação oficial do Sicoob Credpit - www.sicoobcredpit.com.br

Envie uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *